WhatsApp:  (21) 98563-3713
COMPRAS      
 
TOPBOOKS - EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS

Topbooks 30 anos

A Editora Imprensa Homenagens Especiais Destaques Recomendados eBooks Como comprar Fale conosco Início do site
30livrosA10reais
CATÁLOGO RESENHA
 
 
 
Instagram
 
WhatsApp:
(21) 98563-3713
TOPBOOKS - Editora e Distribuidora de Livros

LEITURA 1. ANTONIO CARLOS SECCHIN - DESDIZER

Marcio Catunda*

No seu extraordinário livro Desdizer, Antonio Carlos Secchin refuta, em tom iconoclasta e com bastante ironia, as verdades tradicionais da arte poética. Ora brinca e ri da própria teoria do poema; ora combate, com incisiva irreverência, o dogma da lógica transparente da poesia.

Visita o Colóquio dos teóricos que pontificam, ri de um velho Homero de província. Em “Um depoimento”, ressalta que o ofício do poeta é um entrar "na contramão do que o bom senso lhe ensina". É ser um "operário do precário". Poetar é catar no verão os restos da incerteza. “No meu sonho aparece uma pessoa/ que cata no lixo os restos que eu vivi” (Soneto Desmemoriado).

O poema lhe revela a certeza de que o fogo termina em cinza, no contexto do imprevisível que caracteriza a vida. “Talvez o verão tenha queimado os frutos./As mãos, ressequidas, apenas reconhecem restos” (Cinzas, p. 36).

É com esses despojos que o poeta ergue a catedral herética dos seus versos. E, no envio desse impasse do perecível, ele abre a janela da metafísica implícita no metapoema. Se, em sua lavoura de signos, o inesperado tece a trama do desengano, resta ao poeta augurar “que a cinza do sonho desfeito/adube de vida o que é morto/e transforme o jamais em agora” (Poema para 2003).

Nessa admirável depuração de poesia, o poeta, viajante nos meandros da experiência humana, abre o leque da compreensão: "a poesia é o lugar onde tudo pode ser dito" (ou desdito). Leia-se o título do livro.

Ao formular seus teoremas à luz dos planos da linguagem, Secchin testifica a sua transgressão abrangente, que vai da blasfêmia ao riso e ultrapassa “um Antônio antônimo” de Secchin.

Publicado em 12/03/2018 no Facebook: https://www.facebook.com/marcio.catunda1/posts/1867980873215217

 

Leia mais:

Versos com galhardia

Poesia.net

Poesia como cultura

O Desdizer de Secchin e uma vida dedicada à arte da palavra

Secchin: no difícil coração da poesia

Domingo de poesia

Fulguração da desordem

Um poeta versátil

Após 15 anos, acadêmico Antonio Carlos Secchin volta a publicar poemas inéditos

A dita do desdito

Privacidade

Envio de originais

Mensagem do Editor

Topo Início Anterior
TOPBOOKS EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS LTDA.
Rua Visconde de Inhauma, 58 - Sala 203 - Rio de Janeiro - CEP 20091-000
Telefones: (21) 2233-8718 ou (21) 2283-1039
Copyright © Topbooks, 2003 - 2021 - É proibida a reprodução total ou parcial sem autorização - Projeto QV